Ainda não há comentários

O que era o buraco do fundo de uma agulha citado por Jesus?

EBD do PROJETO EVANGELÍSTICO O 4º HOMEM DA FORNALHA. Pra Leila.

O que era o buraco do fundo de uma agulha citado por Jesus?

Você pergunta: Quando Jesus fala a respeito das riquezas no encontro que teve com o homem rico ele cita que é mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha. Minha pergunta é sobre que agulha seria essa. Seria essa a agulha usada para costurar?

Já ouvi pessoas falando que seria uma porta pequena que tinha na cidade. Podemos esclarecer isso?

Esse texto de Jesus nos ajudará a trabalhar um pouco a importância de estudarmos a Bíblia sempre observando seu contexto cultural, pesquisando expressões que eram usadas naquela época e que são diferentes das que usamos em nosso tempo. Vamos aprender mais?

No encontro de Jesus com um homem rico, após tê-lo orientado que para ser um servo fiel ele deveria vender seus bens, dar aos pobres e segui-Lo (Mateus 19:22), Jesus usa da figura de linguagem da comparação para oferecer mais uma lição aos Seus discípulos: “E ainda vos digo que é mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no reino de Deus” (Mateus 19:24). Alguém do nosso tempo que lê esse texto logo tem claramente em sua mente a figura de uma agulha de costura, aquela que tem um pequeno buraco onde a costureira precisa, com precisão, acertar a linha para poder fazer o serviço no tecido. Porém, será que Jesus está falando de que tipo de agulha nesse texto? Seria uma agulha de costura?O fato é que o texto bíblico não explica o que realmente seria esse “fundo de uma agulha” citado por Jesus. O texto mostra apenas que os discípulos de Jesus entenderam a comparação de Jesus claramente: “Ouvindo isto, os discípulos ficaram grandemente maravilhados e disseram: Sendo assim, quem pode ser salvo?” (Mateus 19:25). Quando um texto não explica claramente a informação que está nele, nós costumamos pesquisar possibilidades que possam explicar, por exemplo, que tipo de comparação foi essa feita por Jesus.

Fundo de uma agulha: uma pequena porta ou uma agulha de costurar?

As possibilidades principais são duas: a primeira é que Jesus esteja se referindo a uma pequena porta que ficava ao lado da porta principal da cidade de Jerusalém (que ficava fechada em determinados momentos). Isso faria com que um camelo só conseguisse entrar na cidade (nos momentos em que a porta principal estivesse fechada) pela porta pequena chamada de fundo de agulha, mas, mesmo assim, só conseguiria passar descarregado, ajoelhado e empurrado, já que o camelo era o maior animal daquela região da palestina. Se considerarmos esse significado podemos entender que Jesus estava demonstrando que um rico teria dificuldades para ser salvo, mas que havia a possibilidade caso ele se desvencilhasse da proteção das riquezas e se humilhasse diante de Deus assim como o camelo se ajoelhava para poder gozar da proteção da cidade trancada, passando pelo fundo da agulha. Essa é uma interpretação possível, porém, pouco se sabe se realmente existia essa pequena porta na cidade de Jerusalém.

A segunda interpretação aponta que o fundo de uma agulha seja realmente a agulha usada pela costureira. Nesse caso Jesus estaria comparando o camelo com a linha que era passada com dificuldade pela agulha, e mais ainda, estaria dizendo que uma linha com o tamanho de um camelo nunca conseguiria passar por aquele buraco. Essa interpretação, porém, não parece totalmente harmônica com a lição de Jesus, pois o camelo passar pelo buraco de uma agulha representa uma impossibilidade total, já a entrada de um rico (que vê as riquezas com equilíbrio) no reino de Deus não é algo impossível, pois conhecemos na narrativa bíblica muitos ricos que se entregaram a Jesus.

Sendo assim, concluímos que a primeira interpretação parece estar em maior harmonia com o texto e com a lição de Jesus Cristo. No entanto, mesmo a segunda interpretação pode também nos fornecer os elementos principais que Jesus podia estar querendo destacar em sua lição, que é a impossibilidade de um rico que está totalmente preso no amor aos seus bens entrar no reino de Deus.

Publicar um comentário